2007-01-02

O início e o fim e não o início do fim



O
a
n
o
começou assim, um anjinho me abençoado, doeu um pouco, mas era carinho...

Pra dizer a verdade foi uma benção conquistada, minha s"U"brinha lindona se jogando assim sem estranhar, fui conquistando aos poucos...

Comecei bem o ano, ao lado dos amigos, com uma dor de garganta combatida pelo famoso antibiotico Amoxicilina, receitado pelos melhores farmaceuticos e donas de casa, famoso, MATA TUDO!... Mas apesar da febre e do sono mal dormido, foi um otimo fim de ano e início de outro...

Casa de praia do melhor amigo, com minha mulher super "animada"... Animada pra ir pra França e ficar longe de mim, brincadeira, ela nem gosta muito da França...

O Fato é que o ano começou e tudo que começa termina; isso eu ouvi de um velho amigo bebado meu, alias, essas frases são tão filosoficas que parecem obvias... A gente diz isso quando o ano acaba, quando o ano começa, 1 minuto depois, vc inverte o sentido da frase, fazendo isso vc termina o ano conformado e começa o ano conformado, parece que tudo vai doer menos, eu bebo e digo: - zzzudo que zzzermina zzzomeça, ai é só correr pro abraço... Esse ano foi diferente, eu não bebi e estava calado, com dor de garganta, mas estava com o mesmo sentimento de início e término e começo e continuação, um mixto de febre e alucinação... e de quebra tinha essa gatinha me dando carinho e alegria, não tenho do que reclamar. Essa lindinha da foto é a Maitê, Filha do Marcio e da Gleice, ele um grande amigo meu, de 20 anos de amizade, ela a mulher dele, minha amiga... Esse negocio de mulher de amigo é estranho, o amigo não te pergunta nada e vai colocando uma mulher em nossas vidas, as vezes damos sorte, foi o caso, a Gleice é uma amiga, mas mesmo que não fosse o que eu diria, nada, a gente tem que engolir as mulheres que nossos amigos casam e pronto, não acho justo, rsrsrs.

Sei que tudo isso é um pouco de fim de ano e início de ano... Essa coisa que a gente não sabe se comemora ou se chora, mas claro, é sempre época de renovar as esperanças...

Renovar...

Minha mulher vai morar lá na França, vou ficar solteiro uns 2 anos ou o resto da vida ou até a proxima esquina, o fato é que vou morar com uma amiga, dividindo o AP com ela e mudar um pouco, mudar tudo... Mudar o endereço, estado civil, atualizar minhas cantadas, rever meus conceitos e ficar rico... alias o ultimo item facilita todos os outros. Mas isso meus queridos "Leitintes" (Leitintes = a ouvintes que leem e leitores que ouvem...) é só pra dividir com vcs o novo ano.

Esse então é o ano que se inícia, disse eu com dor de garganta. Por tanto que venha 2007... E seja o que for, só não vai ser se for, pois aquele que vai acaba indo e se for da sua familia acaba voltando... Só não sou bom de rima mas de cama, melhorei muito bastante depois de casado, agora vou ter que voltar a transar todos os dias, eu que já estava me acostumando com a vida de casado... rsrsrsr. Não riam, isso foi uma piada!

Eu li isso em algum lugar: acho que é do Millor

Tinha um cara de 33 anos sentado na beira da praia numa cadeira dessas proprias de praia, ele olhou aquelas meninas de 18 aninhos, lindinhas e pensou: Quando eu tinha 18 anos eu ficava me perguntando quem comia essas menininhas, hoje com 33, eu sei!(Ha!)

Quero poder dividir com vcs este ano de misericordia, de mudança, ai ai ai chuchu... Se tudo correr bem, vai dar merda... Mas se tudo correr mal, ai a merda não vai dar pra todo mundo...

Vou fazer o seguinte - eu vou vivendo e depois escrevo aqui com muito humor...

Grande beijo a todos

2 comentários:

gleice disse...

Uaaalll, não sabia que tinha subido do posto de mulher-de-amigo-que-não-pede-permissão-pra-entrar-na-sua-vida pra amiga!

Tudo bem, tudo bem, eu dividiria o chocotone mesmo se não fosse meu amigo, rsrsrs.

Bem, gostei do texto, é espontâneo e se um dia não der certo na comédia via teatro, poderá arrancar risos com sua escrita.

Um forte abraço, Gleice (mãe da lindinha Maitê, mulher do Márcio, aqule amigo de 20 anos e agora, amiga do Fernando, hehehehe).

Teatro, drogas e rock disse...

A vida é um etrno andar pra frente.